Avançar para o conteúdo principal

... Ele gosta assim!

Uns bons dias de desespero na consequência das "ites".
O baby V não queria comer. Nadaaaaaa!
O que entrava acabava por sair ( que desabafo tão simpático ) .
A pediatra tranquiliza-me sempre. Dizendo que é normal!
O normal é que a mamã fica desesperada para que coma uma migalha que seja! Ora doente e sem comer não resulta!
E isto...
... faz-me regressar no tempo. Quase que como um Déjà vu.
Sim, antes comer não era com ele!
Conseguia estar longas horas sem ingerir um mililitro de leite!
Agora a coisa mete-se noutro ponto!
Come superrrrr bem. Mas existem pequenos desvios neste " superrrrr bem " .
Um deles, o leite (além de beber leite adaptado perfeitamente bem)! Passou para o leite vigor, já faz algum tempinho. Assim que sente o sabor, não o bebe! E agora?!
( Que giro quando gente alheia diz: Tem de beber, ponto final! O filho da Maria já bebe desde ... Blá Blá Blá! Isto quando se é mãe a história muda um bocadinho, ou melhor, um bocadão. De figura. Ainda que, seja bastante exigente em determinados aspetos!)
Hoje, lembrei-me de dar-lhe um copo dos desenhos animados preferidos. 
E não é que no copo da patrulha pata, com palhinha, bebeu o leite?!!
E se toda a "patrulhice" resolve. Equipamos as refeições com patrulha pata! É ser-se criança!
Pirosisses e teimosias à parte...
Ele gosta assim. 
E se bebe assim.
A mamã deixa :))

Se o filho da Maria já bebe leite, sozinho, desde sempre, que bom para ela.
Cada um sabe de si.
Os peditras sabem de todos.
Aqui a mamã, sabe do baby V!
E decido o que é melhor para ele (ainda que aceite sugestões).
Do meu filho cuido eu!

( E não é que agora até come mais que o filho da Maria?!!! :) )



DB 





Comentários

Mensagens populares deste blogue

Os tios vão casar!

Ainda sobre dia 2 de Julho...

O tio Mário pediu a tia Joana em casamento!
Nada que, não faça sentido, a mamã é uma romântica!
O amor deve ser celebrado!
Registado!

O meu puto como sempre lhe chamei (até ser pai)!
Pediu-me "ajuda" nos preparativos!
Podendo ter como cúmplice a minha mãe!
Pediu-nos segredo absoluto!
E assim foi!
Queria efeito surpresa aos que ama.
E conseguiu!
Estava nervoso, ansioso, ...
E nesses momentos, guardei para mim a certeza absoluta que é amor. Que é para vida.
Que ela é, a mulher da vida dele.
Porque só o que nos faz sentir, é realmente verdadeiro!

Passou um vídeo com um pouco da história ...
Da vossa história!
Enquanto a TIA preparava tudo lá fora. (Disse-me que até as mãos tremiam ao acender as velas)
Alinhou letra a letra com a certeza da verdade em cada uma delas!)
Posicionou as flores.
Prendeu os balões!
Ajeitou o momento!
O meu coração apertado. Tinha o estômago embrulhado de tanta ansiedade.
Somente com o desejo de tudo correr bem (e corre…

Registos!

Fotografar-te é dos maiores prazeres que tenho.
Um vicio. 
Segurar-te em imagem para sempre.
Em qualquer momento.
E em qualquer momento regressarmos no tempo. 
Ter a recordação.
... ter a memória, ter o que o coração guarda.
Mas prezo tanto dar-te em fotografia recordações de ti.
Seguir uma linha desde o primeiro tempo numa continuidade sem fim.
São registos da tua história.
De ti!
De nós!


Aqui estamos nós, a registar os teus dois anos!
A registar o que na vida prevalece, o amor.
Numa sessão fotográfica tão nossa.
Com  a nossa querida Alexandra.


DB 









Ser mãe de menino...

É...
É perceber que existem 50 mil tons de azul!
É ter um pequeno, grande ser, corajoso!
É receber os maiores abraços!
É ter as melhores gargalhadas!
É brincar com carrinhos!
É correr atrás!
É jogar à bola!
É marcar golos!
É correr!
É dançar!
É ser pirata!
É ter castelos com dragões!
É pular!
É saber todas as marcas de carros!
É ter um protetor!
É receber beijinhos!
É ter igual vaidade nos trajes do príncipe!
É estar enamorada, sempre!
É receber uma energia inigualável.
É enfrentar medos!
É ver 73545272812984645545 mil episódios da patrulha pata!
É receber todos os dias a melhor conquista!
É ser apaixonada para sempre!
É uma indeterminada continuação de "ÉS".
É ser-se mãe!



Ter para a vida toda, um companheiro.
É ter um príncipe que faz de nós as únicas rainhas.

E eu que queria uma menina, fiquei rendida aos 50 mil tons de azul, a este meu pequeno giraço :)
Os miúdos podem ser cheios de estilo. Podem. E devem!

DB